Empresa de Florianópolis comemora crescimento de 280% em atendimento; entenda como

Ingrid Pípolos atua no setor de comunicação há mais de 20 anos, e já trabalhou como âncora (apresentadora de jornal), assessora de imprensa, redatora e produtora de vídeo. Dessa experiência, surgiu a GIP Assessoria, criada em 2016 pela jornalista e seu sócio, Gladstone Bastos Pípolos e hoje conta também com uma nova sócia, Caroline Oliveira especialista em marketing. A ideia surgiu quando o casal chegou em Florianópolis, em 2015, e percebeu que muitas startups precisavam de estratégias de comunicação direcionadas para suas atividades.

Para combinar com a dinâmica do seu público-alvo, os empresários pensaram em uma proposta inovadora: uma agência de comunicação que não tem funcionários. Ela é feita da parceria entre profissionais de todo o país que se destacam em suas áreas de atuação. Assim, foi possível chegar a uma dinâmica de funcionamento que utiliza todo potencial de cada parceiro, fortalecendo a marca e trazendo melhores resultados para os clientes.

A empresária conta que, embora já houvesse um entendimento do que o mercado demandava e de como seria a atuação da GIP Assessoria, o amadurecimento da relação entre modelo desejado e a entrega aos clientes foi possível após a empresa participar do programa Agentes Locais de Inovação (ALI), do Sebrae/SC.

– “Sempre atenta aos cursos e materiais do Sebrae. Quando surgiu a oportunidade de participar do ALI, nós estávamos prestes a lançar um produto com formato inovador – o INvasãoIN, que divulga pequenas empresas em vídeos nos stories do Instagram, bancados por grandes empresas. E a consultoria do Sebrae veio no momento certo para nos ajudar a amadurecer essa ideia, que hoje vem sendo colocada em prática com nossos clientes” – explica Ingrid.

O Programa Agente Local de Inovação, do Sebrae, funciona como um facilitador da gestão de inovação. Para isso, um consultor (agente) trabalha dentro da empresa, identificando necessidades específicas e acompanhando os processos durante três meses. Assim, é possível traçar estratégias de ação e planos de inovação específicos para aquela empresa, sugerindo novos modelos de gestão de negócios, com o objetivo de aumentar a produtividade, a competitividade e o faturamento.

– “O mais interessante nesse processo de consultoria com o ALI é que o atendimento é personalizado. Sentávamos eu, meu sócio e a agente ALI e falávamos especificamente do nosso trabalho. Com isso, foi possível estruturar a nossa empresa, criar processos, gerar relatórios, criar checklist de atividades e planilhas de feedbacks, fazer planejamento semanal… enfim, o Sebrae foi essencial para implantar os processos internos que temos hoje. Antes, trabalhávamos no dia a dia, sem planejar a semana seguinte, mas percebemos que o planejamento facilita a execução de tarefas e traz mais segurança” – conta a empresária.

A melhorias nos processos, além do aumento da produtividade, permitiu que a GIP Assessoria funcionasse de maneira mais autônoma, trazendo ganhos também à vida pessoal dos empreendedores que, depois de 15 anos, puderam tirar férias com tranquilidade, sabendo que os negócios estão a todo vapor e em crescimento.

– Depois que fizemos o ALI, passamos a trabalhar com prospecção de clientes estruturada. Em oito meses de atendimento do Sebrae, passamos a atender 280% mais clientes. Não imaginávamos atingir esse número em tão pouco tempo. Obviamente, nosso faturamento anual também aumentou (em 47%). O ALI foi uma virada de chave para a GIP Assessoria – afirma Ingrid.

Por conta do sucesso com o ALI, Ingrid Pípolos também participou do Sebrae Delas e do Empretec.

– “Todas essas consultorias me permitiram mais que a expansão profissional, elas me proporcionaram um autoconhecimento e a formação de uma rede de contatos formada por empresárias que, assim como eu, dividem o tempo entre os negócios e a família e que precisam entender e potencializar suas habilidades e qualidades” – finaliza.

ALI Sebrae e Brasil Mais: parceria para aumentar a produtividade e o faturamento de pequenas empresas

O programa Agentes Locais de Inovação do Sebrae existe há dez anos e, desde então, acompanhou mais de 165 mil pequenos negócios em todo o país. Em 2020, o programa passou a fazer parte do Brasil Mais, uma iniciativa da Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, em parceria com Sebrae, Senai e ABDI.

Assim como o ALI, o Brasil Mais tem como compromisso auxiliar o pequeno empresário a implementar ações para aumentar a competitividade, a produtividade e os lucros. O Brasil Mais propõe ações rápidas, de alto impacto e baixo custo para reduzir custos, a fim de aumentar a capacidade gerencial e criar novos processos de produção e gerenciamento de recursos.

Matéria publicada: https://www.nsctotal.com.br/noticias/em-apenas-oito-meses-empresa-de-florianopolis-comemora-crescimento-de-280-em-atendimento

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *